Administrador legal – Detalhes da profissão

Descubra as funções de trabalho, qualificações e chaves para o sucesso como administrador legal.

Os administradores jurídicos são responsáveis por supervisionar as operações diárias de escritórios de advocacia e outras organizações jurídicas.

Sua função envolve o gerenciamento de pessoal, finanças e atendimento ao cliente para garantir operações comerciais tranquilas. Os administradores jurídicos também podem participar de tarefas estratégicas, como melhorar a eficiência ou desenvolver novas oportunidades de negócios.

Responsabilidades de um Administrador legal

Como parte de seu trabalho, os administradores jurídicos podem ser obrigados a:

  • Analisar questões legais, determinar a aplicabilidade de leis federais ou estaduais a casos específicos
  • Auxiliar no desenvolvimento de estratégia legal, identificando precedentes relevantes, leis e outras considerações legais
  • Apoie os advogados durante os julgamentos, fazendo anotações sobre os processos judiciais e auxiliando com materiais de descoberta
  • Coordenar com os clientes para cumprir prazos e requisitos
  • Coordenar com os membros seniores da equipe jurídica para garantir que os casos ocorram de maneira tranquila e eficiente
  • Organizar arquivos e registros de casos de acordo com as diretrizes estabelecidas
  • Coordenar com as partes opostas, agendar audiências e mediar acordos
  • Monitorar a conduta do advogado quanto à conformidade com os regulamentos para manter os padrões éticos
  • Revise os documentos para garantir sua vinculação legal e compatibilidade com os sistemas de software usados pelo escritório de advocacia.

Como se tornar um Administrador legal

Se você deseja se tornar um administrador legal, é essencial possuir excelentes habilidades de comunicação, liderança e resolução de problemas, ser proficiente em gerenciamento de projetos e gerenciamento de tempo e possuir um diploma de bacharel em direito ou áreas afins.

Você pode esperar um salário competitivo e boas perspectivas de carreira como administrador jurídico.

a man in a suit and glasses posing for a picture

Quanto ganha um Administrador legal

Os administradores jurídicos são remunerados com base em fatores como nível educacional, anos de experiência e tamanho e indústria do escritório de advocacia ou empresa para a qual trabalham. O salário médio anual dos administradores jurídicos é de $ 66.500, com os 10% mais ricos ganhando até $ 115.000.

As perspectivas de emprego para os administradores jurídicos são positivas, pois a demanda por serviços jurídicos continua crescendo com a expansão dos escritórios de advocacia e a formação de novos negócios. Esse crescimento exigirá mais administradores jurídicos para gerenciar paralegais e outras equipes de suporte.

Como se tornar um Administrador legal

Os administradores jurídicos normalmente precisam ter pelo menos um diploma de bacharel em direito, negócios, justiça criminal ou áreas afins. Os empregadores podem preferir candidatos com um Juris Doctor (J.D.) ou outro diploma legal.

O treinamento prático é comum durante o período de orientação em uma nova empresa, onde os administradores jurídicos aprendem sobre as políticas, procedimentos e tecnologia da empresa. Embora os requisitos de certificação e licenciamento não sejam os mesmos dos advogados, alguns administradores jurídicos buscam certificações para demonstrar sua competência no campo jurídico.

A tecnologia jurídica está se tornando cada vez mais predominante na profissão jurídica, e os administradores jurídicos devem se manter atualizados com as ferramentas e os softwares mais recentes. Isso inclui software de gerenciamento de casos, automação de documentos e ferramentas de e-discovery.

Os administradores jurídicos que se sentem confortáveis com a tecnologia estarão mais bem equipados para lidar com o aumento da carga de trabalho que essas ferramentas trazem.

Trabalho remoto e horários flexíveis

A pandemia do COVID-19 acelerou a tendência do trabalho remoto e muitos administradores jurídicos agora trabalham em casa. É provável que essa tendência continue, e os administradores jurídicos devem se sentir confortáveis com trabalho remoto e ferramentas de colaboração, como videoconferência e software de gerenciamento de projetos.

Além disso, muitas organizações jurídicas estão oferecendo horários mais flexíveis para atrair e reter os melhores talentos. Os administradores jurídicos que conseguirem trabalhar com horários flexíveis e se adaptarem a novas formas de trabalho serão mais competitivos no mercado de trabalho.

À medida que o setor jurídico continua a adotar novas tecnologias, os administradores jurídicos devem ser capazes de utilizar essas ferramentas para se manterem competitivos.

Eles também precisam se manter atualizados sobre os programas de software mais recentes que podem ajudá-los a gerenciar grandes quantidades de dados de maneira rápida e eficiente.

salários
salários

Além disso, a gestão de riscos está se tornando um foco significativo para escritórios de advocacia em todo o mundo. Administradores jurídicos com habilidades para identificar e avaliar riscos podem ajudar as empresas a tomar decisões informadas sobre onde alocar seus recursos, levando a uma maior demanda por esses profissionais.

Para se tornar um administrador legal, você precisa de excelentes habilidades organizacionais para gerenciar a papelada e fortes habilidades de comunicação para interagir com clientes e advogados.

Para avançar na área, os administradores jurídicos devem demonstrar suas habilidades de liderança, lidar com mais responsabilidades e assumir novos desafios.

A obtenção de um mestrado em administração jurídica pode equipar os administradores jurídicos com as habilidades e conhecimentos necessários para assumir funções de liderança mais altas.

Exemplo de descrição do trabalho para um administrador jurídico:

Na [CompanyX], estamos comprometidos em fornecer serviços jurídicos de alta qualidade aos nossos clientes, mantendo-nos atualizados com as tendências do setor. Estamos em busca de um administrador jurídico para se juntar à nossa equipe e nos ajudar a manter nossos padrões de excelência.

O candidato ideal terá experiência de trabalho em um escritório de advocacia ou departamento jurídico e deve ser altamente organizado e detalhista.

O administrador jurídico será responsável por gerenciar as operações diárias do departamento jurídico, que incluem agendamento, orçamento e cobrança. Eles devem manter a confidencialidade do cliente e garantir a conformidade com todas as leis e regulamentos relevantes.

Responsabilidades chave:

  • Seja o principal ponto de contato para todas as questões legais, lidando com grandes volumes de chamadas recebidas e efetuadas
  • Lidar com todas as tarefas administrativas do departamento jurídico, como agendamento de compromissos, manutenção de registros, preparação de correspondência e organização de viagens
  • Fornecer orientação a clientes e advogados sobre questões processuais, oferecendo explicações claras e concisas quando necessário
  • Criar e distribuir atas e agendas de reuniões, bem como organizar todos os aspectos dos eventos e funções da equipe
  • Manter um sistema de arquivamento organizado e atualizado para todos os documentos legais, físicos e eletrônicos
  • Realizar pesquisas jurídicas sobre uma variedade de tópicos a pedido de advogados e paralegais
  • Crie e processe um número significativo de documentos legais, incluindo petições, resumos e contratos
  • Gerenciar faturamento e faturamento para o departamento, garantindo precisão e pontualidade
  • Monitorar prazos e calendários do departamento, enviando lembretes quando necessário
  • Auxiliar em projetos especiais quando necessário, como atualizações de sites e campanhas de mídia social
  • Treine e apoie novos contratados conforme necessário
  • Cumpra todos os acordos de confidencialidade e políticas da empresa

Qualificações requeridas:

  • Bacharel em administração de empresas ou áreas afins
  • Pelo menos 7 anos de experiência administrativa, de preferência em um escritório de advocacia
  • Experiência comprovada em processos administrativos jurídicos e gestão de escritório
  • Habilidades organizacionais excepcionais e atenção aos detalhes
  • Fortes habilidades de comunicação escrita e verbal
  • Proficiente em Microsoft Office, com capacidade de aprender novos softwares e sistemas

Qualificações Preferenciais:

  • Mestrado em administração de empresas ou áreas afins
  • Pelo menos 10 anos de experiência administrativa, preferencialmente em escritório de advocacia
  • Familiaridade com software de gerenciamento de casos, como Legal Files ou Time Matters
  • Experiência em gestão orçamentária e de despesas
  • Experiência na criação de processos internos e sistemas de arquivamento.

Para acompanhar a crescente demanda por serviços jurídicos, os escritórios de advocacia estão expandindo suas operações, o que, por sua vez, aumenta a necessidade de administradores jurídicos supervisionarem paralegais e outras equipes de apoio jurídico.

Essa demanda é impulsionada pelo crescimento da economia e pela formação de novos negócios.

Requisitos para um trabalho de administrador legal

Educação: Normalmente, os administradores jurídicos são obrigados a ter pelo menos um diploma de bacharel, sendo as especializações em direito, negócios e justiça criminal as mais comuns. Os empregadores geralmente preferem candidatos com um Juris Doctor (J.D.) ou diploma de direito.

Treinamento e experiência: Os administradores jurídicos recebem treinamento prático durante um período de orientação quando ingressam em uma nova empresa. Este período envolve aprender sobre as políticas da empresa, procedimentos e software e tecnologia usados nas operações diárias.

Certificações e Licenças: Embora os administradores jurídicos não estejam sujeitos aos mesmos requisitos de certificação e licenciamento que os advogados, muitos optam por obter certificações para demonstrar sua competência no crescente

Profissionais jurídicos estão cada vez mais contando com a tecnologia para agilizar seus processos de trabalho e melhorar a eficiência. Essa tendência está criando uma demanda maior por administradores jurídicos proficientes no uso da tecnologia para dar suporte aos advogados.

À medida que o setor jurídico continua a adotar novas tecnologias, os administradores jurídicos devem ser capazes de utilizar essas ferramentas para se manterem competitivos. Eles também precisam se manter atualizados sobre os programas de software mais recentes que podem ajudá-los a gerenciar grandes quantidades de dados de maneira rápida e eficiente.

Além disso, a gestão de riscos está se tornando um foco significativo para escritórios de advocacia em todo o mundo. Administradores jurídicos com habilidades para identificar e avaliar riscos podem ajudar as empresas a tomar decisões informadas sobre onde alocar seus recursos, levando a uma maior demanda por esses profissionais.

Para se tornar um administrador legal, você precisa de excelentes habilidades organizacionais para gerenciar a papelada e fortes habilidades de comunicação para interagir com clientes e advogados.

Descubra as funções de trabalho, qualificações e chaves para o sucesso como administrador legal.

Os administradores jurídicos são responsáveis por supervisionar as operações diárias de escritórios de advocacia e outras organizações jurídicas.

Sua função envolve o gerenciamento de pessoal, finanças e atendimento ao cliente para garantir operações comerciais tranquilas. Os administradores jurídicos também podem participar de tarefas estratégicas, como melhorar a eficiência ou desenvolver novas oportunidades de negócios.

Responsabilidades de um Administrador legal

Como parte de seu trabalho, os administradores jurídicos podem ser obrigados a:

  • Analisar questões legais, determinar a aplicabilidade de leis federais ou estaduais a casos específicos
  • Auxiliar no desenvolvimento de estratégia legal, identificando precedentes relevantes, leis e outras considerações legais
  • Apoie os advogados durante os julgamentos, fazendo anotações sobre os processos judiciais e auxiliando com materiais de descoberta
  • Coordenar com os clientes para cumprir prazos e requisitos
  • Coordenar com os membros seniores da equipe jurídica para garantir que os casos ocorram de maneira tranquila e eficiente
  • Organizar arquivos e registros de casos de acordo com as diretrizes estabelecidas
  • Coordenar com as partes opostas, agendar audiências e mediar acordos
  • Monitorar a conduta do advogado quanto à conformidade com os regulamentos para manter os padrões éticos
  • Revise os documentos para garantir sua vinculação legal e compatibilidade com os sistemas de software usados pelo escritório de advocacia.

Como se tornar um Administrador legal

Se você deseja se tornar um administrador legal, é essencial possuir excelentes habilidades de comunicação, liderança e resolução de problemas, ser proficiente em gerenciamento de projetos e gerenciamento de tempo e possuir um diploma de bacharel em direito ou áreas afins.

Você pode esperar um salário competitivo e boas perspectivas de carreira como administrador jurídico.

a man in a suit and glasses posing for a picture

Quanto ganha um Administrador legal

Os administradores jurídicos são remunerados com base em fatores como nível educacional, anos de experiência e tamanho e indústria do escritório de advocacia ou empresa para a qual trabalham. O salário médio anual dos administradores jurídicos é de $ 66.500, com os 10% mais ricos ganhando até $ 115.000.

As perspectivas de emprego para os administradores jurídicos são positivas, pois a demanda por serviços jurídicos continua crescendo com a expansão dos escritórios de advocacia e a formação de novos negócios. Esse crescimento exigirá mais administradores jurídicos para gerenciar paralegais e outras equipes de suporte.

Como se tornar um Administrador legal

Os administradores jurídicos normalmente precisam ter pelo menos um diploma de bacharel em direito, negócios, justiça criminal ou áreas afins. Os empregadores podem preferir candidatos com um Juris Doctor (J.D.) ou outro diploma legal.

O treinamento prático é comum durante o período de orientação em uma nova empresa, onde os administradores jurídicos aprendem sobre as políticas, procedimentos e tecnologia da empresa. Embora os requisitos de certificação e licenciamento não sejam os mesmos dos advogados, alguns administradores jurídicos buscam certificações para demonstrar sua competência no campo jurídico.

A tecnologia jurídica está se tornando cada vez mais predominante na profissão jurídica, e os administradores jurídicos devem se manter atualizados com as ferramentas e os softwares mais recentes. Isso inclui software de gerenciamento de casos, automação de documentos e ferramentas de e-discovery.

Os administradores jurídicos que se sentem confortáveis com a tecnologia estarão mais bem equipados para lidar com o aumento da carga de trabalho que essas ferramentas trazem.

Trabalho remoto e horários flexíveis

A pandemia do COVID-19 acelerou a tendência do trabalho remoto e muitos administradores jurídicos agora trabalham em casa. É provável que essa tendência continue, e os administradores jurídicos devem se sentir confortáveis com trabalho remoto e ferramentas de colaboração, como videoconferência e software de gerenciamento de projetos.

Além disso, muitas organizações jurídicas estão oferecendo horários mais flexíveis para atrair e reter os melhores talentos. Os administradores jurídicos que conseguirem trabalhar com horários flexíveis e se adaptarem a novas formas de trabalho serão mais competitivos no mercado de trabalho.

À medida que o setor jurídico continua a adotar novas tecnologias, os administradores jurídicos devem ser capazes de utilizar essas ferramentas para se manterem competitivos.

Eles também precisam se manter atualizados sobre os programas de software mais recentes que podem ajudá-los a gerenciar grandes quantidades de dados de maneira rápida e eficiente.

salários
salários

Além disso, a gestão de riscos está se tornando um foco significativo para escritórios de advocacia em todo o mundo. Administradores jurídicos com habilidades para identificar e avaliar riscos podem ajudar as empresas a tomar decisões informadas sobre onde alocar seus recursos, levando a uma maior demanda por esses profissionais.

Para se tornar um administrador legal, você precisa de excelentes habilidades organizacionais para gerenciar a papelada e fortes habilidades de comunicação para interagir com clientes e advogados.

Para avançar na área, os administradores jurídicos devem demonstrar suas habilidades de liderança, lidar com mais responsabilidades e assumir novos desafios.

A obtenção de um mestrado em administração jurídica pode equipar os administradores jurídicos com as habilidades e conhecimentos necessários para assumir funções de liderança mais altas.

Exemplo de descrição do trabalho para um administrador jurídico:

Na [CompanyX], estamos comprometidos em fornecer serviços jurídicos de alta qualidade aos nossos clientes, mantendo-nos atualizados com as tendências do setor. Estamos em busca de um administrador jurídico para se juntar à nossa equipe e nos ajudar a manter nossos padrões de excelência.

O candidato ideal terá experiência de trabalho em um escritório de advocacia ou departamento jurídico e deve ser altamente organizado e detalhista.

O administrador jurídico será responsável por gerenciar as operações diárias do departamento jurídico, que incluem agendamento, orçamento e cobrança. Eles devem manter a confidencialidade do cliente e garantir a conformidade com todas as leis e regulamentos relevantes.

Responsabilidades chave:

  • Seja o principal ponto de contato para todas as questões legais, lidando com grandes volumes de chamadas recebidas e efetuadas
  • Lidar com todas as tarefas administrativas do departamento jurídico, como agendamento de compromissos, manutenção de registros, preparação de correspondência e organização de viagens
  • Fornecer orientação a clientes e advogados sobre questões processuais, oferecendo explicações claras e concisas quando necessário
  • Criar e distribuir atas e agendas de reuniões, bem como organizar todos os aspectos dos eventos e funções da equipe
  • Manter um sistema de arquivamento organizado e atualizado para todos os documentos legais, físicos e eletrônicos
  • Realizar pesquisas jurídicas sobre uma variedade de tópicos a pedido de advogados e paralegais
  • Crie e processe um número significativo de documentos legais, incluindo petições, resumos e contratos
  • Gerenciar faturamento e faturamento para o departamento, garantindo precisão e pontualidade
  • Monitorar prazos e calendários do departamento, enviando lembretes quando necessário
  • Auxiliar em projetos especiais quando necessário, como atualizações de sites e campanhas de mídia social
  • Treine e apoie novos contratados conforme necessário
  • Cumpra todos os acordos de confidencialidade e políticas da empresa

Qualificações requeridas:

  • Bacharel em administração de empresas ou áreas afins
  • Pelo menos 7 anos de experiência administrativa, de preferência em um escritório de advocacia
  • Experiência comprovada em processos administrativos jurídicos e gestão de escritório
  • Habilidades organizacionais excepcionais e atenção aos detalhes
  • Fortes habilidades de comunicação escrita e verbal
  • Proficiente em Microsoft Office, com capacidade de aprender novos softwares e sistemas

Qualificações Preferenciais:

  • Mestrado em administração de empresas ou áreas afins
  • Pelo menos 10 anos de experiência administrativa, preferencialmente em escritório de advocacia
  • Familiaridade com software de gerenciamento de casos, como Legal Files ou Time Matters
  • Experiência em gestão orçamentária e de despesas
  • Experiência na criação de processos internos e sistemas de arquivamento.

Para acompanhar a crescente demanda por serviços jurídicos, os escritórios de advocacia estão expandindo suas operações, o que, por sua vez, aumenta a necessidade de administradores jurídicos supervisionarem paralegais e outras equipes de apoio jurídico.

Essa demanda é impulsionada pelo crescimento da economia e pela formação de novos negócios.

Requisitos para um trabalho de administrador legal

Educação: Normalmente, os administradores jurídicos são obrigados a ter pelo menos um diploma de bacharel, sendo as especializações em direito, negócios e justiça criminal as mais comuns. Os empregadores geralmente preferem candidatos com um Juris Doctor (J.D.) ou diploma de direito.

Treinamento e experiência: Os administradores jurídicos recebem treinamento prático durante um período de orientação quando ingressam em uma nova empresa. Este período envolve aprender sobre as políticas da empresa, procedimentos e software e tecnologia usados nas operações diárias.

Certificações e Licenças: Embora os administradores jurídicos não estejam sujeitos aos mesmos requisitos de certificação e licenciamento que os advogados, muitos optam por obter certificações para demonstrar sua competência no crescente

Profissionais jurídicos estão cada vez mais contando com a tecnologia para agilizar seus processos de trabalho e melhorar a eficiência. Essa tendência está criando uma demanda maior por administradores jurídicos proficientes no uso da tecnologia para dar suporte aos advogados.

À medida que o setor jurídico continua a adotar novas tecnologias, os administradores jurídicos devem ser capazes de utilizar essas ferramentas para se manterem competitivos. Eles também precisam se manter atualizados sobre os programas de software mais recentes que podem ajudá-los a gerenciar grandes quantidades de dados de maneira rápida e eficiente.

Além disso, a gestão de riscos está se tornando um foco significativo para escritórios de advocacia em todo o mundo. Administradores jurídicos com habilidades para identificar e avaliar riscos podem ajudar as empresas a tomar decisões informadas sobre onde alocar seus recursos, levando a uma maior demanda por esses profissionais.

Para se tornar um administrador legal, você precisa de excelentes habilidades organizacionais para gerenciar a papelada e fortes habilidades de comunicação para interagir com clientes e advogados.

Roberta Mach Supervisão de Mariana Fortunatohttps://www.linkedin.com/in/roberta-mach/
Profissional de Recursos Humanos com mais de 10 anos de experiência em gestão de talentos, recrutamento e seleção, treinamento e desenvolvimento, e relações de trabalho. Forte capacidade de construir relacionamentos interpessoais sólidos e de colaborar com equipes para impulsionar o sucesso organizacional.

More from author

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Artigos relacionados

Últimos posts

Guia Passo a Passo para Contratar um Profissional de Aquecimento Solar

O aquecimento solar é uma escolha sustentável e eficiente para reduzir os custos de energia em residências e empresas. Se você está considerando instalar...

Treinamento direcionado: 9 etapas para fechar as lacunas de habilidades

Treinamento direcionado: 9 etapas para fechar as lacunas de habilidades Várias empresas enfrentam dificuldades em dotar os seus colaboradores das competências necessárias para o crescimento...

Como planejar seu orçamento de RH

Um guia para planejar seu orçamento de RH Planejar seu orçamento de RH é essencial para que os departamentos de RH antecipem despesas futuras e...

Escala de Observação Comportamental para Avaliação de Desempenho

Escala de Observação Comportamental para Avaliação de Desempenho: O que, Quando e Como A "Escala de Observação Comportamental para Avaliação de Desempenho: O que, Quando...

Engenheiro civil júnior – Detalhes da profissão

Aprenda sobre as responsabilidades do trabalho de um engenheiro civil júnior, as qualificações necessárias para ser contratado e as habilidades essenciais necessárias para o...

Diretor sênior – Detalhes da profissão

Aprenda sobre as responsabilidades e os requisitos de um cargo de diretor sênior, incluindo o gerenciamento de uma equipe de funcionários, a supervisão de...